Jaspion – um desconhecido no Japão

jaspion-1

Não era novidade para mim que Jaspion não é muito conhecido no Japão (ou melhor, nada conhecido), basta ver a vida curta da série. Ainda assim, uma reportagem do dia 12 de julho do Asahi Shinbun me chamou a atenção.

Dentre os diversos especiais que eles tem feito para a Copa, me deparei com esse, no qual o repórter no Brasil cobrindo o evento, ao saber que esse tal de Jaspion é um dos Tokusatsu mais famosos no Brasil, a despeito do absoluto desconhecimento no Japão, decidiu verificar nas ruas de São Paulo se as pessoas conheciam mesmo o personagem.

Com uma máscara em mãos (ou no rosto) questionou 50 pessoas, 41 souberam indicar na hora que se tratava do herói japonês preferido de uma geração brasileira. A notícia é em nihongo, mas o vídeo é auto-explicativo e independe de conhecimento do idioma:

http://www.asahi.com/articles/ASG7D3RZHG7DUEHF004.html?iref=comtop_fbox_d1_01

O interessante da reportagem é que o tom de informalidade e humor dá uma noção melhor da surpresa que é para um japonês descobrir que existem programas que sem ter feito qualquer sucesso em sua terra natal, marcaram uma geração inteira de fãs em outro país.

O repórter tenta inclusive investigar as causas dessa popularidade, liga para a Toei (produtora da série), mas a resposta da empresa é bem decepcionante, dizem que ficam felizes em saber da popularidade (tem resposta mais japonesa que essa?), mas infelizmente por ser um programa muito antigo não tem ninguém lá que conheça bem as condições da época e portanto não podem oferecer uma análise precisa. Convenhamos não é tão antigo assim, então não sei se a resposta é sincera ou se é má vontade. Mesmo assim, tentam dar uma explicação, então segundo a Toei, pode ser que a série combine com a personalidade descontraída dos brasileiro, com sua mensagem clara e simples de bem vencendo o mal. Também é possível que a receptividade tenha relação com a novidade que seria esse cenário futurista, mas de futuro próximo.

Não acho que a explicação faça muito sentido. Por outro lado um dos entrevistados sugere que talvez a explicação esteja no próprio Jaspion, o personagem principal é um cara divertido e faz todo mundo rir, um traço comum no Brasil, e o brasileiro pode ter uma atração por personagens se assemelham a nós. É uma generalização, mas pode ter lá seu fundo de verdade.

Nem vou entrar muito no assunto porque para entender melhor esse cenário de sucesso dos Tokusatsu no Brasil e Japão, o melhor mesmo é um artigo do Alexandre Nagado postado no Sushi POP em Junho: http://nagado.blogspot.jp/2014/06/sobre-sucesso-audiencia-e-lucratividade.html#more

Virado-no-Jaspion-Yudi-canta-ao-lado-do-famoso-herói

De qualquer forma, a surpresa com o sucesso do personagem e a empolgação dos brasileiros ao falar dele fazem com que o repórter lamente que o “seu eu” de 8 anos tenha deixado de assistir a série.

E tem que se lamentar mesmo, era muito divertido.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s