Nihongo ! 2011

Já faz algumas semanas que postei aqui no blog e só posso justificar essa inatividade pelo que vou chamar de espírito natalino de preguiça. De qualquer forma, vou focar esse post no meu natal e ano novo e em algumas perspectivas e novos habitos que já construi 2011.

Quanto ao natal, passei o dia 24 na Disney Tokyo. Primeiro acho importante deixar claro que os costumes de natal aqui são bastante diferentes do ocidente. Não é uma época que se passa com a família, não há significado religioso, não há troca de presentes, em verdade é uma espécie de segundo dia dos namorados, quando so casais saem juntos, e um dos principais locais para esses encontros é justamente a Disney, logo, dia 24 estava especialmente cheio, o que não estragou em nada a diversão. O parque é realmente uma espécie de mundo fantástico, com um cheiro próprio (bastente doce hehe), músicas que criam um ambiente diferente (no caso de natal eram musicas natalinas), um conjunto de mini-cidades, verdadeiros simulacros muito interessantes que passam uma sensação de um mundo diferente em cada uma das áreas do parque. Evidente que tudo é muito limpo, muito organizado (o sistema de fast-pass no qual voce pode reservar um horário em diversas atrações é perfeito para evitar as filas) e as comidas apesar de caras também são bem curiosas. Acredito que havia cerca de 6 ou 7 sabores de pipoca, que variavam comforme o local do parque (por exemplo, em frente a cabana do Ursinho Pooh havia pipoca de mel), diversos restaurantes com comidas apropriadas para cada ambiente. Me diverti bastante com as atrações, especialmente com as montanhas russas que apesar de não serem muito rápidas valem mais pelo cenário. Saímos daqui de Hachioji as 7:45, chegamos lá mais ou menos as 9:45 (apesar de se chamar Disney Tokyo fica em Chiba) e saímos as 20:00. Inclusive foi uma correria para chegar no onibus na hora certa já que bem na hora da saída era a parada noturna dos personagens então levou um bom tempo para achar um caminho até a saída com a parada bloqueando os caminhos principais. Nessa correria um amigo deixou a camera cair no chão. Em qualquer outro país do mundo daríamos o aparelho como perdido, mas em se tratando de Japão não é surpresa recuperar coisas valiosas, e hoje ele recebou um telefonema do parque informando que a camera foi localizada e será enviada para ele. O pior momento do dia foi retornar de bicicleta da universidade naquela temperatura abaixo de zero…

O dia de natal foi bem mais simples, fui com alguns amigos até Shibuya fazer compras, observar o movimento, o hábito das pessoas e observar o movimento da scramble crossing da janela do Starbucks. Existem alguns costumes curiosos por aqui. Por exemplo, os frangos do KFC são sinonimo de natal. Uma pesquisa com alguns japoneses revela que nem eles sabem porque, mas aparentemente alguns anos atrás a rede de fast food simplesmente começou a anunciar no natal coisas como “Natal é KFC” e etc… logo os japoneses pensaram o seguinte “bom, KFC é uma rede americana, e americanos comem alguma espécie de ave no natal, consequentemente deve ser fried chicken”. Outro hábito é o bolo de morango. Por algum motivo meses antes do natal já tinha anuncios inclusive na tv sobre com os bolos de morango de natal, e as lojas de doces e etc realmente ficam cheias deles no período. Inclusive, mais de uma vez me perguntaram se o bolo de morango de natal japones tem o mesmo sabor que no Brasil, e quando eu explico para eles que esse costume não existe em outros países ocidentais eles ficam realmente chocados.

Já no ano novo, fui com alguns amigos para o centro de Tokyo ver fogos e etc, mas no fim das contas estava tão frio que após jantar em um restaurante italiano e passar um tempo em um game center decidimos nos hospedar em uma lan-house, ou melhor, internet café. Pode parecer estranho, mas aqui os internet cafés são verdadeiros hotéis. Por cerca de 35 reais voce tem acesso durante 8 horas a salas de jogos com sinuca, dardos, ping pong e etc, bebidas a vontade, biblioteca de livros, filmes e mangas, salinhas para duas a 3 pessoas com computador (tela enorme por sinal), TV, videogame, além de sala maiores com televisores gigantes, blu-ray… tem até banho nesse locais, e por mais 300 yen eles ainda fornecem toalha, sabonete, shampoo. Enfim, a princípio dizer que passei a virada num internet café pode parecer decadente, mas na verdade é bastante agradável. (aqui o site com diversas fotos dá uma boa noção do local http://www.aprecio.co.jp/)

No mais, nessas férias de inverno (que duram até dia 7, quando o período final de provas e aulas retorna) tenho ido saído para alguns lugares em Tokyo, aproveitado o Ipod que comprei, e que na verdade é uma excelente ferramente para treinar japones já que existem muito podcasts interessantes para ouvir. Também percebo como vou sentir falta dos meus colegas de dormitório, juntos destruimos nosso padrão de sono ficando acordados a noite inteira, indo dormir só as 9, 10 da manhã, acordando no fim de tarde todo dia… Quando voce convive durante um ano todo dia com as mesmas pessoas e consegue manter uma relação tão boa após esse tempo dá para sentir que construiu amizades de verdade, e não aquelas amizades de conveniencia na qual mais queremos evitar do que encontrar o outro…

Agora é me preparar para finalizar as aulas e as provas que estão por vir. Mês passado já tive algumas apresentações para as aulas de economia em ingles (escrevemos alguns papers e fizemos apresentação com power point para algumas turmas de japoneses na universidade que ficaram muito boas, o feedback que recebemos após as apresentações foram ótimos) agora vem a parte mais díficil, que são as provas, reports e apresentações para as aulas regulares da universidade, mas.. bom,  なんとかなりそう。

Para a lista de posts nunca escritos (mas que eventualmente posso escrever quando reler o blog) quero falar mais sobre essa relação com as amizades que fiz aqui e o que espero delas quando retornar ao Brasil. Também quero falar sobre como aprendi o valor das aulas com pouca gente e bastante participação, algo que muita gente reinvidica na UFPR e na verdade nunca me interessaram hehe. Também ainda pretendo falar mais sobre podcasts.

Ps. Obrigado a todos pelos acessos ao blog em 2010, de acordo com o wordpress, com os 7.100 acessos que tive dá para encher 17 boeings 747, yay !

Anúncios

5 Respostas para “Nihongo ! 2011

  1. Precisou ir para o outro lado do mundo para ficar mais sociavel. Hehe. Ia te mandar um e-mail falando exatamente esse assunto, as amizades que você fez nessa estadia. Agora o ponto é como mantê-las.
    Abraços
    Marcelo .

  2. Eduardo, Feliz Ano Novo!!! E conserve as amizades feitas por aí, a Anna tem encontrado vários amigos que fez em Milão, cada vez que viaja reencontra alguém!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s